10 livros para o profissional do RH fora da curva

A transformação digital, atração e retenção de talentos, diversidade e inclusão e a saúde mental dos colaboradores são apenas alguns dos muitos desafios que estão impactando todos os setores, incluindo o RH. Para te ajudar nessa missão, separamos 10 livros para o profissional do RH fora da curva se atualizar e ajudar a desenvolver cada vez mais e melhor suas equipes.

Vamos nessa?

 

 

1."HR from the Outside In: Six Competencies for the Future of Human Resources"

por Dave Ulrich, Jon Younger, Wayne Brockbank e Mike Ulrich

Este livro explora as competências essenciais para os profissionais de RH do futuro, ressalta a necessidade de o RH se tornar mais estratégico, orientado para resultados e orientado para o cliente, além de adotar uma abordagem mais baseada em dados e tecnologia para apoiar a organização em sua busca por sucesso e excelência. Aqui estão cinco aprendizados que são frequentemente destacados:

Abordagem centrada no cliente: O livro enfatiza a importância de o RH ter uma mentalidade orientada para o cliente, enxergando os funcionários e líderes como clientes internos. Compreender suas necessidades, expectativas e desafios permite que o RH alinhe suas estratégias e serviços de maneira mais efetiva.

Foco em resultados e impacto nos negócios: Os autores argumentam que os profissionais de RH devem se concentrar em medir o impacto de suas iniciativas e estratégias no desempenho geral da organização. Isso requer a capacidade de traduzir as atividades de RH em termos de resultados tangíveis para a empresa.

Conhecimento dos negócios: Para ser eficaz, o RH deve entender profundamente o setor em que a empresa opera, bem como os principais desafios e oportunidades enfrentados pelo negócio. Essa perspectiva de negócios permite que o RH proponha soluções alinhadas com os objetivos estratégicos da organização.

Adoção de tecnologia e análise de dados: O livro destaca a importância de o RH abraçar a tecnologia e a análise de dados para melhorar suas práticas e tomada de decisões. A utilização inteligente de dados pode levar a insights valiosos sobre os colaboradores e a eficácia das políticas de RH.

Desenvolvimento de competências futuras: Os autores apresentam seis competências-chave para os profissionais de RH do futuro: "Cientista de Dados", "Arquiteto Organizacional", "Especialista em Mudança", "Consultor Interno", "Designer de Experiência dos Funcionários" e "Operador de Serviços Compartilhados". O livro explora a importância de desenvolver essas competências para se preparar para os desafios futuros do RH.

2."Radical Candor: Be a Kickass Boss Without Losing Your Humanity" 

por Kim Scott

Apresenta um modelo de liderança que incentiva a comunicação aberta, autêntica e construtiva, criando uma cultura de feedback contínuo e apoio mútuo. Isso ajuda os líderes a se tornarem mais eficazes em sua gestão e no desenvolvimento de suas equipes. "Radical Candor: Be a Kickass Boss Without Losing Your Humanity" é um livro escrito por Kim Scott, que explora a importância da comunicação eficaz e do feedback honesto no ambiente de trabalho. Aqui estão cinco aprendizados-chave do livro:

Radical Candor: O conceito central do livro é o "Radical Candor", que é uma abordagem de comunicação direta e sincera, combinada com empatia. Trata-se de oferecer feedback honesto e construtivo de forma clara e respeitosa, com o objetivo de ajudar as pessoas a crescer e melhorar em seu trabalho.

Feedback Contínuo: Kim Scott destaca a importância de fornecer feedback regularmente, em vez de esperar por avaliações formais. O feedback contínuo permite que os funcionários compreendam suas áreas de melhoria e saibam que estão sendo apoiados em seu desenvolvimento profissional.

Relação com a Equipe: O livro explora a ideia de que a confiança e a relação pessoal são fundamentais para um feedback eficaz. Um líder deve se preocupar genuinamente com seus colaboradores e estabelecer uma relação de respeito e empatia com eles para que a comunicação seja bem recebida.

Cuidado com a Ruína e a Manipulação: A autora aborda os extremos do feedback não eficaz: a "ruína" (quando o feedback é cruel e desprovido de empatia) e a "manipulação" (quando o feedback é dado para agradar ou evitar conflitos). O Radical Candor fica no meio desses extremos, buscando um equilíbrio entre honestidade e cuidado.

Liderança e Desenvolvimento da Equipe: O livro oferece insights valiosos sobre como liderar uma equipe de forma eficaz, incluindo a importância de criar um ambiente seguro para que os membros da equipe possam se expressar abertamente e crescer profissionalmente.

 

3."Equipes brilhantes"

por Daniel Coyle

Este livro explora como criar uma cultura organizacional forte e positiva, algo de extrema importância para o RH. "Equipes brilhantes", um livro escrito por Daniel Coyle, explora os fatores que contribuem para a criação de culturas organizacionais de sucesso. Fornece insights valiosos sobre como construir e nutrir uma cultura organizacional positiva, que é fundamental para o sucesso de qualquer grupo, equipe ou empresa. Ele destaca a importância da confiança, colaboração e conexões humanas como base para criar uma cultura forte e bem-sucedida. Aqui estão cinco dos principais aprendizados do livro:

Segurança Psicológica: Um dos principais elementos de culturas organizacionais bem-sucedidas é a segurança psicológica. Isso envolve a criação de um ambiente onde os membros da equipe se sentem seguros para assumir riscos, compartilhar ideias, cometer erros e serem vulneráveis, sem medo de retaliação ou julgamento. A segurança psicológica permite que a equipe seja mais colaborativa, inovadora e produtiva.

Conexão Humana: O livro destaca a importância das conexões humanas dentro de um grupo. As relações sociais e a camaradagem entre os membros da equipe são fundamentais para fortalecer a cultura e melhorar a cooperação. Líderes que cultivam relacionamentos genuínos com seus funcionários criam laços mais fortes e aumentam a confiança e o comprometimento.

Narrativa Compartilhada: Culturas fortes têm uma narrativa compartilhada, uma história que une a equipe e define sua identidade e propósito. As histórias são poderosas para comunicar valores, crenças e objetivos comuns, tornando mais fácil para todos na organização se alinharem em direção a uma visão unificada.

Prática Deliberada: O livro explora a importância da prática deliberada para o aprimoramento contínuo. Equipes de alto desempenho se esforçam para melhorar constantemente, buscando feedback, aprendendo com os erros e realizando treinamentos estruturados.

Liderança Empática: Os líderes desempenham um papel crucial na criação e manutenção de uma cultura positiva. A liderança empática envolve ouvir atentamente, demonstrar interesse genuíno pelos membros da equipe, fornecer suporte e feedback construtivo, e estar disposto a fazer ajustes para atender às necessidades da equipe.

4. Gestão de Pessoas: o novo papel dos recursos humanos nas organizações

por Idalberto Chiavenato

O livro "Gestão de Pessoas: O Novo Papel dos Recursos Humanos nas Organizações" é escrito por Idalberto Chiavenato, um dos autores mais renomados na área de Recursos Humanos. Embora eu não tenha acesso direto ao conteúdo específico do livro, posso listar cinco dos principais aprendizados geralmente associados a essa obra:

Estratégia de Recursos Humanos: O livro destaca a importância do RH atuar como um parceiro estratégico dentro das organizações, alinhando suas ações e práticas com os objetivos e metas globais da empresa.

Valorização das Pessoas: O autor ressalta que o capital humano é um ativo valioso para as organizações e defende a valorização dos colaboradores como forma de impulsionar a produtividade e o sucesso do negócio.

Desenvolvimento de Pessoas: O livro enfatiza a necessidade de investir no desenvolvimento e capacitação dos colaboradores, fornecendo treinamentos e oportunidades de crescimento para que eles alcancem seu potencial máximo.

Motivação e Engajamento: A obra aborda estratégias para motivar os funcionários e mantê-los engajados em suas tarefas, destacando a importância de um ambiente de trabalho positivo e colaborativo.

Gestão de Talentos: O autor explora como identificar, atrair, reter e desenvolver talentos dentro da organização, demonstrando como o RH pode desempenhar um papel fundamental na gestão do capital humano.

5."Motivação 3.0"

por Daniel H. Pink

Um livro que explora a ciência por trás da motivação no ambiente de trabalho, algo relevante para o RH entender como engajar os colaboradores. Ressalta a necessidade de reconhecer que as pessoas são motivadas por mais do que apenas recompensas financeiras e que o trabalho significativo e desafiador é essencial para o engajamento e a satisfação dos colaboradores. Aqui estão cinco dos principais aprendizados do livro:

Motivação Intrínseca: O livro destaca a importância da motivação intrínseca, que é impulsionada por interesses pessoais, satisfação interna e o desejo de crescimento e autodesenvolvimento. Descobertas sugerem que a motivação intrínseca é mais poderosa e duradoura do que a motivação extrínseca (recompensas externas como dinheiro ou elogios).

Os 3 Pilares da Motivação: Pink apresenta os três pilares fundamentais da motivação intrínseca: Autonomia (a necessidade de ter controle sobre o que fazemos), Maestria (a vontade de melhorar e se aperfeiçoar em nossas habilidades) e Propósito (a conexão entre o trabalho realizado e um objetivo maior).

Surpreendente Efeito do Dinheiro: O livro argumenta que, embora o dinheiro seja importante para atender às necessidades básicas, ele não é um motivador significativo para atividades criativas e complexas. De fato, altos incentivos financeiros podem até diminuir o desempenho em tarefas que exigem criatividade e pensamento inovador.

Importância do Trabalho Significativo: Pink destaca a necessidade de conectar o trabalho das pessoas a um propósito maior e impacto positivo. As pessoas são mais motivadas e engajadas quando veem que seu trabalho contribui para algo significativo e benéfico para a sociedade ou para os outros.

Cultivo da Autonomia: O livro enfatiza a importância de oferecer aos funcionários maior autonomia e controle sobre como eles realizam suas tarefas e tomam decisões no trabalho. Permitir que as pessoas tenham um senso de controle sobre suas atividades pode aumentar a motivação, a criatividade e a satisfação no trabalho.

 

6."Leaders Eat Last: Why Some Teams Pull Together and Others Don't"

por Simon Sinek

Simon Sinek explora a importância da liderança e da construção de equipes coesas e bem-sucedidas. "Leaders Eat Last" aborda a importância da liderança empática, da criação de um ambiente de confiança e cooperação, bem como a influência da cultura organizacional na formação de equipes bem-sucedidas e engajadas. O livro ressalta como os líderes podem impactar positivamente o ambiente de trabalho e o desempenho da equipe, agindo como verdadeiros defensores e apoiadores dos membros da equipe. Aqui estão os cinco principais tópicos abordados no livro:

Biologia da Confiança e Cooperação: O livro explora a biologia por trás da confiança e cooperação entre os membros de uma equipe. Sinek destaca a importância da liberação de substâncias químicas como a oxitocina, que são essenciais para a criação de laços sociais e a construção de confiança.

Liderança Servidora: Um dos principais tópicos do livro é a ideia de liderança servidora. Sinek argumenta que líderes eficazes se preocupam genuinamente com o bem-estar de suas equipes e estão dispostos a colocar os interesses dos outros antes dos seus. Essa abordagem de liderança promove um ambiente de confiança e apoio mútuo.

Cultura Organizacional: O livro explora a importância da cultura organizacional na coesão da equipe. Sinek destaca como líderes podem moldar a cultura de uma organização, enfatizando valores compartilhados, propósito e um ambiente de trabalho positivo.

Segurança Psicológica: Simon Sinek aborda a importância da segurança psicológica dentro de uma equipe. Quando os membros da equipe se sentem seguros para expressar suas ideias, opiniões e preocupações sem medo de retaliação ou julgamento, a comunicação e a colaboração melhoram significativamente.

Liderança Ética: O livro explora a ética da liderança e como líderes éticos criam uma base sólida para o engajamento e o sucesso da equipe. Líderes que são autênticos, honestos e responsáveis por suas ações inspiram confiança e respeito dos membros da equipe.

 

7.O livro "Um Novo Jeito de Trabalhar"

por Laszlo Bock

O livro oferece insights e práticas únicas que a empresa adotou para criar uma cultura de trabalho inovadora e bem-sucedida. Embora eu não tenha acesso direto ao conteúdo do livro, posso listar cinco dos principais aprendizados que geralmente são destacados:

Cultura Organizacional Única: O livro destaca a importância de criar uma cultura organizacional única e positiva, que promova a transparência, a inovação, o aprendizado contínuo e o apoio ao crescimento pessoal e profissional dos colaboradores.

Atração e Retenção de Talentos: Laszlo Bock compartilha estratégias usadas pelo Google para atrair e reter os melhores talentos, enfatizando a importância de oferecer benefícios atraentes, oportunidades de desenvolvimento e um ambiente de trabalho desafiador e envolvente.

Tomada de Decisão Baseada em Dados: O livro destaca a cultura de tomar decisões baseadas em dados e evidências, incentivando líderes a usar informações concretas para guiar ações e políticas internas.

Liberdade e Autonomia: O autor ressalta a importância de conceder liberdade e autonomia aos colaboradores, permitindo que eles tenham controle sobre suas tarefas e projetos, o que pode aumentar a motivação e a produtividade.

Feedback e Crescimento Profissional: O Google é conhecido por sua cultura de feedback contínuo. O livro aborda a importância de fornecer feedback construtivo aos funcionários e incentivar o crescimento profissional por meio de mentoria e desenvolvimento de habilidades.

 

8.O Princípio de OZ

por Roger Connors, Tom Smith, Craig Hickman

Inspirado na metáfora da história clássica “O Mágico de Oz”, em que ilustra o impacto positivo da responsabilidade pessoal na busca por resultados surpreendentes, sendo esta uma leitura imprescindível para gestores que queiram fortalecer sua equipe e construir soluções de longo prazo. Esta metodologia é amplamente abordada no best-seller do The New York Times e do The Wall Street Journal, “O Princípio de OZ”, que já soma mais de meio milhão de cópias vendidas e se revelou como um dos livros de liderança empresarial mais influentes e impactantes dos últimos tempos. 5 insights da obra:

Pilar da gestão de pessoas: O accountability é um conceito que traduz, essencialmente, o compromisso em relação às atividades corporativas e à conduta dentro de uma empresa, e pode ser visto como um pilar da gestão de pessoas e da cultura organizacional, uma vez que permite a promoção da autorresponsabilidade entre os colaboradores.

Ciclo debilitante: Para obter melhores resultados pessoais e profissionais, aprenda a evitar o ciclo debilitante da vitimização.As pessoas superam as armadilhas desse ciclo quando praticam o accountability, que é a responsabilidade pelo que acontece

Aceitação: Muitas empresas fracassam por erros de gestão, mas poucos executivos admitem o fato. Somente a aceitação do accountability pelos resultados poderá colocar uma empresa, pessoa ou uma equipe de volta aos trilhos do sucesso.

Transparência e responsabilidade: Ter transparência e responsabilidade nas ações de forma escalável, oferecendo um guia simples que contém o passo a passo para promover o accountability na prática, que se dá por meio de seus 4 pilares: Ver, Assumir, Resolver e Fazer.

O processo: Para as organizações, é necessário que todos os funcionários aceitem o accountability individual e o coletivo.O processo para chegar a esse ponto demanda incorporar o accountability na liderança, implantá-lo na empresa e aplicá-lo a todos os desafios de negócios e de gestão.

 

9.Traga seu ser humano para o trabalho

por Erica Keswin

Um livro best-seller de gestão de RH que fala sobre a importância de criar locais de trabalho seguros, onde os indivíduos podem desfrutar de seu trabalho e se esforçar em um ambiente positivo. A obra oferece dez maneiras pelas quais os profissionais de RH podem transformar o local de trabalho, baseadas no pensamento de que empresas inteligentes honram relacionamentos. Confira 5 dos principais insights:

Confiança: Os funcionários precisam se sentir confiáveis e capacitados para viver os valores da empresa.
Cultivar diversidade e inclusão
nas empresas não se trata de uma simples contagem de números com base na raça, etnia ou gênero. Trata-se de equipes verdadeiramente diversas.
Seja real: fale com uma voz humana.
Tenha sempre um propósito claro para uma reunião antes de convidar alguém para uma reunião;

 

10. Bom chefe, mau chefe

por Robert Sutton

Você costuma culpar os colaboradores pelos problemas? Os monitora de uma maneira que pode ser considerada obsessiva?  Lidera com metas reais? Você tem consciência de que ocupa uma posição em que é preciso se portar como exemplo?

Esse livro pode ajudá-lo. Especialmente porque “Bom chefe, mau chefe” é uma obra do professor da Universidade de Stanford, Robert Sutton, baseada em casos reais, fruto das reclamações de profissionais a respeito dos seus líderes e supervisores. Os relatos se transformaram neste material que, diga-se de passagem, é um dos livros sobre gestão de pessoas mais divertidos da atualidade. O leitor aprende por meio de exemplos de como ser um bom chefe. O objetivo é refletir sobre o próprio comportamento.

Identificação de Comportamentos Liderança Eficazes: O livro apresenta características e comportamentos comuns dos bons líderes, como serem empáticos, ouvirem os membros da equipe e fornecerem feedback construtivo.

Reconhecimento dos Sinais de Liderança Ineficaz: O autor também destaca os comportamentos tóxicos e ineficazes de chefes, ajudando os leitores a reconhecerem os sinais de um líder que pode ser prejudicial ao ambiente de trabalho.

Impacto do Comportamento dos Líderes na Cultura Organizacional: O livro aborda como as ações e atitudes do líder podem influenciar a cultura organizacional, seja para melhorar ou piorar o clima de trabalho.

Estratégias para Lidar com Chefes Difíceis: Além de analisar o comportamento dos líderes, o livro oferece estratégias práticas para os funcionários lidarem com chefes desafiadores e situações de trabalho complicadas.

Importância do Desenvolvimento Contínuo dos Líderes: O livro destaca que mesmo os bons chefes podem melhorar e aprender com os outros, incentivando o desenvolvimento contínuo dos líderes em todos os níveis da organização.

 Gostou das dicas? Deixe seu comentário!

Feito pela evolluo CNPJ: 13.264.9804/0001-40 | Copyright © 2024 evolluo - Todos os direitos reservados

Feito pela evolluo CNPJ: 13.264.9804/0001-40 | Copyright © 2024 evolluo - Todos os direitos reservados

Feito pela evolluo CNPJ: 13.264.9804/0001-40 | Copyright © 2024 evolluo - Todos os direitos reservados